Pular para o conteúdo principal

Descompasso

Óh! Ela já não mais se reconhece ao olhar-se no espelho. Perdeu-se ao tentar se achar. Tempo sem tempo para passar. A vi perambular pelas calçadas calçadas de ausências. Vi o vestido azul rodar. Era um descompasso que não passava, sem apagar as desculpas e culpas de uma morte lenta.

Bárbara Fragoso 

Comentários